Transformação digital e o comportamento do consumidor

Entenda o real impacto da tecnologia no interesse do consumidor

Com o crescimento na concorrência de mercado no terreno virtual a cada dia, torna-se vital para a sobrevivência de qualquer negócio entender como se relacionam a transformação digital e o comportamento do consumidor conectado.

Pessoas são pessoas. E o marketing, de forma ampla, possui inúmeras técnicas que essencialmente se mantêm as mesmas. Em outras palavras, funções básicas como encantar, persuadir e suprir a necessidade do consumidor estarão sempre presentes em qualquer estratégia.

Mas, será que o consumidor online se comporta exatamente da mesma forma que o consumidor presencial?

Embora, na substância, os objetivos de vendas online e em lojas físicas sejam os mesmos, a transformação digital impulsionou diversas mudanças no comportamento de todos nós.

Então, aproveite para entender alguns pontos básicos que devem ser observados na sua estratégia de marketing. Afinal, conhecer bem o novo consumidor é primordial para que os negócios feitos online sejam satisfatórios, de acordo com as expectativas da empresa.

A experiência do usuário é o que importa

No início da popularização da Internet, as lojas virtuais passavam por imensos desafios. A maioria das que eram bem sucedidas, vendiam artigos como livros, cds, etc.  Isso porque as dificuldades de navegação, a baixa qualidade e custo alto da conexão, impediam que esse novo consumidor tivesse uma experiência de compra realmente interessante.

Atualmente, vivemos um cenário muito diferente, Artigos como roupas, comidas e outros que dependem de estímulos sensoriais para serem vendidos têm obtido enorme sucesso, mesmo quando vendidos online.
Áreas de pesquisa como a Ux (User experience, Experiência do consumidor) tem sido o foco de diversos cursos e novos desenvolvimentos.

Isto tudo demonstra que a cada dia, o objetivo dentro do e-commerce é igualar, ou até mesmo superar as experiências presenciais de compra.

Todos querem saber mais sobre tudo

O Inbound Marketing, também chamado de marketing de conteúdo, é uma outra ferramenta do marketing moderno que tem acompanhado os passos do consumidor digital.

A ideia central da técnica é que, perante um mercado de consumo que se desenvolve atrás de um Smartphone ou computador, a informação faça a diferença na hora da compra.

O formato não importa. Vídeos, textos, interações em redes sociais, transmissões em tempo real, tudo isso se converge um uma única meta: educar e informar.

Cada vez mais o marketing deixa de ser um intruso. Antigamente, a TV, o rádio e a mídia impressa era simplesmente invadida com mensagens publicitárias, com as quais o consumidor era obrigado a ter contato.

Na transformação digital, o tempo de atenção a todo o tipo de mensagem é menor. Dessa forma, a mensagem publicitária tem de ser interessante. Não há meio termo. 

Quem escolhe o que ver ou ler é o usuário. Se não tiver relevância, basta fechar o navegador, ou parar de seguir a marca.

O consumidor se guia por pensamentos sentimentos e ações

Um modelo interessante a ser utilizado para entender melhor o impacto da tecnologia no comportamento do público, é abordado no artigo de Fabiano Xavier Fontes, através da chamada matriz do comportamento do consumidor.

O modelo é útil pois apresenta detalhadamente a jornada de consumo. 

Basicamente, o processo é iniciado por meio de estímulos que impactam as interferências internas e externas.

Todos estes fatores contribuem na formação da individualidade. Por sua vez, isso gera o surgimento das vontades, que são reflexos das necessidades e desejos. 

Como se espera, este fluxo todo vai culminar na tão desejada efetivação da compra. Na realidade, esse processo é cíclico e se repete a cada escolha do público. 

E, isso não é tudo. A transformação digital e o comportamento do consumidor continuarão mudando em uma velocidade nunca antes vista na história do marketing. Portanto, é bom estar sempre atento a cada novo movimento.

Compartilhe esta notícia

  • Escola de Comunicações e Artes

    Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo
    A Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo ou (ECA-USP) é uma instituição pública de ensino superior localizada na cidade de São Paulo. Como parte da Universidade de São Paulo (USP), é considerada uma unidade de ensino, pesquisa e extensão. A ECA foi fundada em 15 de junho de 1966, e hoje é formada por oito departamentos. Oferece 21 cursos de graduação, sendo 13 deles da área de Artes e 8 voltados às comunicações.

Contato

(11) 3091-1584

(11) 3091-1584

  • endereço: Av. Prof. Lúcio Martins Rodrigues, 443 – Cidade Universitária CEP 05508-020 – São Paulo

  • email: [email protected]

Siga-nos